Assembleia Municipal de Lisboa
Grupos Municipais
logotipo
Página do Grupo Municipal do Partido Ecologista "Os Verdes" (PEV)
A política editorial desta página é da inteira responsabilidade do Grupo Municipal do Partido Ecologista "Os Verdes" (PEV)
1 / 20
1 2 3 4 5 20
19-09-2023

A Baixa de Lisboa ocupa uma área de aproximadamente 25 hectares e é hoje uma das zonas mais movimentadas da cidade. Devido à sua centralidade e ao seu valor patrimonial e urbanístico, as ruas são diariamente percorridas por milhares de pessoas. Ler mais

15-09-2023

Na cidade de Lisboa os estabelecimentos de alojamento local (que reúnem os requisitos previstos na Lei nº 62/2018, de 22/8, e prestam serviços de acomodação temporária, nomeadamente a turistas, mediante remuneração) têm proliferado nos últimos anos, afectando mais as freguesias do centro, fruto de uma permissividade face à especulação imobiliária. Existem também inúmeros falsos alojamentos locais em regime de ‘cama quente’. Ler mais

14-09-2023

Alguns projectos de requalificação do espaço público na cidade têm levado à remoção de peças de mobiliário urbano histórico, como candeeiros, bancos em madeira e ferro fundido e bebedouros em pedra. Por vezes, esses elementos são substituídos por outros descaracterizados e que não são necessariamente mais funcionais, o que tem gerado alguma contestação. Ler mais

05-09-2023

A Escola de Calceteiros foi criada pela Câmara Municipal de Lisboa em 1986, com o objectivo de renovar o efectivo de calceteiros municipais, procurando preservar e difundir os conhecimentos sobre a arte de calcetar. Ler mais

31-08-2023

O Licenciamento Zero é um processo de simplificação administrativa e regulatória que prevê a desmaterialização de vários procedimentos administrativos relacionados com o licenciamento de algumas actividades económicas. Tem como objectivo simplificar processos de instalação, modificação ou encerramento de estabelecimentos de restauração, de comércio de bens, de prestação de serviços ou de armazenagem. Ler mais

30-08-2023

O Grupo Municipal do Partido Ecologista Os Verdes teve conhecimento que o edifício do antigo Restaurante Panorâmico, no Parque Florestal de Monsanto, que actualmente funciona como miradouro, está encerrado desde meados do mês de Julho. Ler mais

24-08-2023

Os terrenos da antiga Feira Popular em Entrecampos, na freguesia das Avenidas Novas, foram objecto de várias utilizações e usos ao longo da história da cidade de Lisboa. Ler mais

24-08-2023

O Parque Florestal de Monsanto, embora criado pelo Homem, foi-se naturalizando e hoje é um parque florestal que constitui um verdadeiro pulmão verde da cidade de Lisboa e uma importante estrutura verde para toda a Área Metropolitana, que importa preservar, que deve ser usufruído de forma sustentável pela população e não ser restringido a um mero parque urbano. Ler mais

31-07-2023

Nos últimos anos começaram a ser implementados no espaço público ecrãs publicitários electrónicos, que são, no fundo, outdoors digitais de grande formato, existindo vários na cidade de Lisboa. Ler mais

26-07-2023

Quando em meados do corrente mês o comité organizador da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) apresentou publicamente os planos de mobilidade e segurança para a JMJ foram na altura anunciadas necessidades de estacionamento para os cerca de 7.200 autocarros que serão utilizados para o transporte de alguns dos peregrinos. Ler mais

11-07-2023

Na 74ª Reunião - 2ª reunião da Sessão Ordinária de Junho da Assembleia Municipal de Lisboa, do dia 20 de Junho de 2023, foi apresentada a Informação Escrita do Presidente da CML. Na 72ª página desse documento, a Direcção Municipal de Urbanismo identifica como Áreas Urbanas de Génese Ilegal (AUGI) apenas três áreas: Quinta do Ferro, Calvanas e Campolide, ignorando as restantes áreas da cidade assim identificadas: Alto do Chapeleiro, Bairro dos Sete Céus, Quinta de Assunção, Quinta da Mourisca, Quinta da Torrinha, Quinta do Grafanil, Quinta do Olival, Casal dos Abrantes, Ruas A e B à Azinhaga da Torre do Fato, Rua do Eucalipto, Rua Particular à Azinhaga da Cidade, Rua Particular à Azinhaga dos Lameiros, Rua Teresa Saldanha e na Zona H às Galinheiras, Rua França Borges. Ler mais

06-07-2023

A Assembleia Municipal de Lisboa aprovou, a 25 de Outubro de 2022, uma proposta do Partido Ecologista Os Verdes que recomendava que a autarquia procedesse à avaliação da real disponibilidade de novos edifícios municipais serem passíveis de virem a integrar a oferta de residências estudantis, bem como diligenciasse, em articulação com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, com vista à criação de uma Rede Municipal de Alojamento Universitário. Ler mais

28-06-2023

Em 1968, a Câmara Municipal de Lisboa promoveu a construção de um Restaurante Panorâmico no Parque Florestal de Monsanto. O imponente edifício, projectado pelo arquitecto Chaves da Costa, representa uma obra arquitectónica de referência, com sete mil metros quadrados, que integra várias obras de arte - painéis e altos-relevos - de artistas como Querubim Lapa, e azulejos de Manuela Madureira, sendo na época de inauguração considerado como um dos mais luxuosos de Lisboa. Ler mais

27-06-2023

Em Julho de 2022, por ocasião do Dia Internacional do Xadrez, celebrado no dia 20 desse mês, o Grupo Municipal do Partido Ecologista Os Verdes apresentou na Assembleia Municipal de Lisboa dois documentos referentes à prática dessa modalidade, tendo ambos sido aprovados por unanimidade. Ler mais

26-06-2023

O Grupo Municipal do Partido Ecologista Os Verdes recebeu via correio electrónico uma denúncia referente ao abate de uma trepadeira que existia há 20 anos a cobrir o muro da Rua Luís Braille, adjacente ao viveiro municipal da Quinta de Vila Correia. Ler mais

26-06-2023

O Grupo Municipal do Partido Ecologista Os Verdes recebeu recentemente a divulgação de uma petição promovida pelo Movimento Fórum Cidadania Lx intitulada “Pela salvaguarda das 4 Moradias Ecléticas da Rua Pedro Calmon (Alto de Santo Amaro), dirigida ao Presidente da CML, Deputados à AML e à Direcção Geral do Património Cultural (DGPC). Ler mais

23-06-2023

A Jornada Mundial de Juventude (JMJ) vai decorrer de 1 a 6 de Agosto de 2023, prevendo-se uma afluência que pode atingir 1,5 milhões de pessoas, o que terá impactos muito significativos, sobretudo em Lisboa e em Loures, mas também noutros concelhos limítrofes. Ler mais

19-06-2023

Devido às obras do Metropolitano de Lisboa na Av. Dom Carlos I para a construção da linha circular, as áreas de intervenção encontram-se vedadas e as zonas abrangidas estão bastante condicionadas no que respeita à circulação de peões e de veículos. Ler mais

15-06-2023

Em 2009 a CML defendia que a Carta Desportiva da Cidade de Lisboa se apresentava "por definição, como um instrumento estratégico fundamental para o desenvolvimento desportivo sustentado do Município, devendo os seus conteúdos estar em consonância e articulação com um modelo de desenvolvimento desportivo municipal de acordo com a definição de uma Política Municipal de Desporto". Ler mais

15-06-2023

A Carta Educativa de Lisboa elaborada em 2008, de acordo com o previsto no D.-Lei nº 7/2003, visa assegurar a adequação da rede de equipamentos de educação e ensino às ofertas educativas que é necessário satisfazer no espaço concelhio, nela se tendo procurado contemplar as vertentes pedagógica, sócio-educativa, organizacionais ou gestionárias, em termos de horizonte temporal de planeamento da rede e sua articulação com estratégias ou planos de desenvolvimento da cidade. Ler mais

1 / 20
1 2 3 4 5 20