Assembleia Municipal de Lisboa
Voto 025/01 (CDS) - Pesar pelo falecimento de Frank Carlucci
05-06-2018

Agendado: 5 de Junho de 2018
Debatido e votado: 5 de Junho
Resultado da Votação: Aprovado por maioria com a seguinte votação: Favor: PS/ PSD/ CDS-PP/ PAN - Contra: PCP/ BE/ PEV/ 4 IND - Abstenção: 4 D.M. PS/ 4 IND
Ausência dos Grupos Municipais do MPT e do PPM da Sala de Plenário
Passou a Deliberação: 238/AML/2018
Publicação BM: 5º suplemento ao BM nº. 1271

Voto de pesar por Frank Carlucci

Frank Charles Carlucci III nasceu na Pensilvânia a 19 de Outubro de 1930. Estudou nas universidades de Princeton e Harvard, serviu na US Navy como oficial e foi membro do Partido Republicano e de várias administrações norte-americanas.
Teve várias funções governamentais nas administrações de Nixon e Ford, com destaque para as que exerceu na administração Reagan, como Conselheiro Nacional de Segurança e Secretário de Defesa, já depois da sua passagem por Portugal.

Porém, a que mais nos apraz registar foi o cargo que ocupou como Embaixador dos Estados Unidos da América em Portugal, de Janeiro de 1975 a Fevereiro de 1978.
Chegado em pleno PREC vinha com instruções muito claras, ditadas pelo Secretário de Estado Henri Kissinger: «deter o avanço dos comunistas e preservar a integridade da NATO», assumindo um papel relevante nessa fase, contribuindo para manter a relação de Portugal com os EUA e a sua pertença às nações democráticas e ao espaço atlantista.

Demonstrando a confiança que tinha nos democratas portugueses, principalmente em Mário Soares ao qual ficou ligado por laços de amizade, e nos partidos democráticos - PS, PSD e CDS - para colocarem Portugal no caminho da democracia e das plenas liberdades, levou-o a contrariar algumas políticas de Kissinger para o nosso País, demonstrando possuir uma grande experiência diplomática e uma rede de influência em Washington.

Em reconhecimento pelo combate que travou pela Liberdade dos portugueses o governo português distinguiu-o, em 2004, com a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique. Em 2005 foi-lhe atribuída a medalha de Defesa Nacional.
Durante toda a vida trabalhou para uma maior aproximação entre os EUA e Portugal.
Em 3 de Junho falece em sua casa, na Virgínia (EUA).

Assim, a Assembleia Municipal de Lisboa, reunida a 5 de Junho de 2018, delibera prestar homenagem a Frank Carlucci, guardando um minuto de silêncio em sua memória e endereçando à sua família - através da Embaixada dos Estados Unidos da América, em Lisboa, - as mais sentidas condolências.

Lisboa, 4 de Junho de 2018
O Grupo Municipal do CDS-PP

Diogo Moura

Documentos
Documento em formato application/pdf Voto 025/01( CDS) 495 Kb