Assembleia Municipal de Lisboa
Voto 05/139 (PEV) - Saudação "1º de Maio - Dia Internacional do Trabalhador"
02-05-2017

Agendado: 139ª reunião, 2 de Maio de 2017
Debatido e votado: 2 de Maio de 2017
Resultado da Votação: Aprovado por unanimidade
Passou a Deliberação: 129/AML/2017
Publicação em BM:2º suplemento ao BM nº 1218

Saudação
"1º de Maio - Dia Internacional do Trabalhador"

O 1º de Maio - Dia Internacional do Trabalhador está directamente associado à luta histórica de milhares de operários que em 1886, em Chicago, fizeram uma greve geral tendo como objectivo exigir jornadas de oito horas de trabalho, uma reivindicação fundamental na luta contra a exploração, tendo sido impiedosamente reprimidos, nesse dia e nos seguintes, pelas entidades policiais e patronais, acontecimento que acabou por desencadear uma perseguição generalizada contra o movimento operário.
Os amplos reflexos internacionais desta luta e a homenagem aos "mártires de Chicago", determinaram, em 1889, a proclamação do 1º de Maio como o Dia Internacional do Trabalhador, tendo este dia ficado associado, a partir daí, à luta dos trabalhadores. Desde então, o movimento operário e sindical e a luta dos trabalhadores têm assumido um papel determinante nas conquistas das condições laborais.
Em Portugal, só a partir de 1974 o 1° de Maio pôde voltar a ser comemorado livremente, com o fim do regime fascista que reprimia a sua celebração. Por isso, celebrar o 1º de Maio representa recordar o significado da luta dos operários de Chicago, de todos os trabalhadores em geral e, especialmente, dos trabalhadores portugueses e das suas organizações representativas, pelo direito ao trabalho, por um trabalho com direitos, contra a precariedade e a exploração, por melhores condições de vida das suas famílias e no apoio a todos aqueles que lutam por esses direitos.
Foi com a luta dos trabalhadores que se alcançaram muitas conquistas, ainda insuficientes, que urge aprofundar e generalizar. É preciso ir mais longe. É fundamental valorizar o trabalho e os trabalhadores, aumentar salários, acabar com o flagelo do desemprego e da precariedade, reduzir e harmonizar horários de acordo com a vida dos trabalhadores e suas famílias e desbloquear e dinamizar a contratação colectiva.
Saudar o Dia Internacional do Trabalhador é uma justa homenagem a todos os que lutaram e lutam por trabalho com direitos e por um país melhor, mais justo e mais desenvolvido.
Neste sentido, a Assembleia Municipal de Lisboa delibera, na sequência da presente proposta dos eleitos do Partido Ecologista "Os Verdes":
1- Saudar o 1º de Maio, Dia Internacional do Trabalhador, todos os trabalhadores e trabalhadoras, e as suas organizações sindicais, manifestando a sua solidariedade com a luta por melhores condições de trabalho e por uma vida digna e com direitos.
2- Remeter a presente saudação para o Presidente da República, Presidente da Assembleia da República, Primeiro-Ministro, Grupos Parlamentares da Assembleia da República, às centrais sindicais CGTP-IN e UGT.
Assembleia Municipal de Lisboa, 2 de Maio de 2017
O Grupo Municipal de "Os Verdes"

Cláudia Madeira J. L. Sobreda Antunes

Documentos
Documento em formato application/pdf Voto 05/139 (PEV)91 Kb