Assembleia Municipal de Lisboa
CML
Martim Moniz pode ser base dos transportes turísticos
19-10-2016 DN

Autocarros e tuk-tuks devem ser desviados da Baixa, diz vereador Manuel Salgado. Objectivo é evitar destruição de património.

O vereador para o Urbanismo da Câmara Municipal de Lisboa, Manuel Salgado, informou ontem estar em estudo a centralização de transportes turísticos, incluindo autocarros e tuk-tuks, no Martim Moniz, para evitar a destruição de património. "Fazer um ramo do transporte turístico no Martim Moniz, retirando-o da Baixa - os autocarros de turismo, os tuk-tuks -, e ser ali um centro, aproveitando as escadas rolantes que estamos afazer de acesso ao Castelo, e evitar que as camionetas de turistas passem em frente à Sé e destruam o património para chegar ao Castelo são medidas que estamos a estudar", afirmou Manuel Salgado.

A hipótese de desviar transportes turísticos para o Martim Moniz é, assim, também incluída na lista de medidas possíveis para "atenuar os conflitos, melhorar a qualidade de vida na cidade de Lisboa, tanto para os residentes como para quem visita" a capital, resumiu.