Assembleia Municipal de Lisboa
1º Relatório sobre o Processo da Reforma Administrativa de Lisboa
1.177 colaboradores transitaram da Câmara para as freguesias
15-07-2014 com Lusa

O primeiro relatório da reforma administrativa de Lisboa, que será hoje apreciado pela Assembleia Municipal, destaca que, "em termos globais, face à grande envergadura e complexidade" da transferência de competências da câmara para as juntas, "pode concluir-se com considerável propriedade que o processo como um todo se encontra a decorrer com notável ritmo, dedicação e qualidade".
Veja o 1º Relatório sobre a Reforma Administrativa anexo à Proposta 278/2014 AQUI

O relatório indica que nestes três meses, desde a aprovação da deliberação, transitaram 1.177 colaboradores, entre os quais 1.028 trabalhadores do mapa de pessoal e 149 prestadores de serviços das áreas da educação e desporto, "o que correspondeu a uma taxa de cumprimento de 98% face ao previsto".

A segunda fase do processo de transição de recursos humanos, em áreas como os licenciamentos, a intervenção social e as diversas componentes de suporte, foi iniciada em fevereiro, com um sistema de voluntariado, e está em curso.